ja_mageia

Click on the slide!

CIPEG

Centro de Informações da Produção de Petróleo e Gás

Centro de Informações da Produção de Petróleo e Gás  

Mais...
Click on the slide!

Downloads

Serviço CIPEG

Central de Downloads  

Mais...
Click on the slide!

Mapa CIPEG

Serviço CIPEG

Ferramenta para obter informações através da visualização de um mapa temáticos das informações de P&G do Estado do Rio de…

Mais...
Frontpage Slideshow (version 1.7.2) - Copyright © 2006-2008 by JoomlaWorks
Governador comenta sobre distribuição dos royalties do petróleo

 27/10/2011 - 00:00h -  Por Virgínia Cavalcante

O governador Sérgio Cabral comentou, nesta quarta-feira (26/10), que não tem a delegação e nem o direito de abrir mão de receitas de Estado, pois estaria cometendo um crime contra a população local. Cabral lembrou que foi ao Palácio do Planalto negociar o futuro, que é exatamente o marco regulatório que será licitado.
- O Congresso não pode entrar nas receitas já garantidas em contrato, pois este é o meu desejo até para não entrar em embaraço com a presidenta. O ponto é tentar encontrar uma solução do que o próprio Congresso coerente com ele próprio, aprovou um novo marco regulatório. Vamos discutir a receita deste marco que, nós no Congresso, aprovamos não entrar no já licitado. O Congresso quando mudou o marco regulatório, em momento algum ele já entrou licitado. Nas horas das receitas dos Estados, das indenizações dos royalties e da participação especial que este manifesto vem? Isto não tem o menor cabimento.
O governador lembrou que, no próximo dia 10, irá as ruas protestar contra a distribuição igualitária aos estados em relação aos royalties do petróleo. Cabral lembrou que há uma mobilização dos três poderes, da Justiça, do Legislativo, do Executivo, dos 92 municípios do Estado do Rio, independentemente dos partidos políticos, e da sociedade civil do Estado.
- O Rio não aceita que retirem dele os recursos já estabelecidos pela lei. No Senado há manifestações de senadores que não são de estados produtores respeitando isto. Já tem veículos de comunicação que não são do Rio defendendo a tese de prevalecer o princípio democrático. Você não pode violar direitos já assegurados - finalizou.
 
 
No Rio, Petrobras produz mais que o dobro dos outros estados

Fonte: Matheus Franco. Postado em 26.10.2011 

DOBRO  A Petrobras divulgou nesta segunda-feira (24) os números da estatal para o mês de setembro. A produção de petróleo e gás natural da empresa no Brasil e no exterior no mês foi de 2.591.624 milhões de barris de óleo equivalentes por dia (boed), resultado 2,43% acima do volume registrado em setembro de 2010. No entanto, outro dado, mais específico, chama atenção: a petrolífera produz, no Rio de Janeiro, mais do que o dobro da soma dos outros estados em que atua.

Leia mais

 
Projeto de royalties retira R$ 49,8 bi de municípios

Por Sabrina Lorenzi 24/10/2011

RIO DE JANEIRO (Reuters) - O projeto de lei que redistribui os royalties do petróleo aprovado na semana passada pelo Senado retira dos municípios atualmente contemplados por estes recursos 49,8 bilhões de reais de 2012 a 2020, calcula a Secretaria de Desenvolvimento do Estado do Rio de Janeiro.
Para os estados produtores -- basicamente Rio de Janeiro e Espírito Santo --, o estudo projeta uma perda de 39 bilhões de reais nos próximos nove anos, como decorrência de uma nova forma de dividir as receitas entre todas as unidades federativas.
Leia mais

 
<< Início < Anterior 71 72 73 74 75 76 77 78 79 80 Próximo > Fim >>

Página 71 de 82

Destaque Downloads

Sistema de Informações de Exploração e Produção de Petróleo e Gás Natural do Estado do Rio de Janeiro

Mapa CIPEG Julho/2014 

------------------------------------
Boletim Informativo CIPEG 

Boletim Informativo do 1º Quadrimestre de 2016

------------------------------------
Mapa CIPEG

Blocos de produção, campos e linhas de limite para divisão de royaltie.
------------------------------------------
Distribuição de Royalties no litoral brasileiro

Método das linhas proporcionais, o estudo de caso do Rio de Janeiro
-----------------------------------------
Os Vinte maiores poços em produção